quinta-feira, 7 de março de 2013

IFPI oferece Especialização em Desporto Escolar

O Instituto Federal do Piauí, Campus Teresina Central, oferece curso de Especialização em Desporto Escolar. O principal objetivo do curso é a qualificação de professores, com o intuito de melhorar a qualidade do ensino do desporto nas aulas de educação física nas escolas das redes pública e privada.

O período de inscrição é de 18/12/12 a 08/03/13 e o valor é R$ 50,00.

A seleção será através da nota do índice de rendimento acadêmico, obtido no curso de graduação. No caso de empate será considerado classificado o aluno com mais idade. O resultado da seleção será divulgado no dia 11/03 no site do IFPI. E as matrículas ocorrerão de 12/03 a 22/03.

Público Alvo:

- Graduados em Educação Física e demais cursos superiores de áreas afins, reconhecidos pelo MEC;
- Alunos cursando o último módulo/bloco do curso de Educação Física;
- Alunos do curso de Educação Física do PARFOR – 2ª Licenciatura.

O curso funcionará de forma quinzenal aos sábados (08h às 12h e 14h às 20h) e aos domingos (08h às 12h) e terá uma carga horária total de 390 horas, abordando de forma preferencialmente prática os desportos mais praticados nas escolas.

Investimento: 18 parcelas de R$ 200,00 (duzentos reais) mensais.

INFORMAÇÕES: 

Coord. Geral do Curso:
Profº Sérvulo: (86)9822-0506 /8805-2706

Coord. Adjunto do Curso:
Profº Ricardo: (86)9942-7479 /8811-7737

Vereadores e secretária da Juventude se reúnem para implantar Conselho Anti-drogas


Os vereadores Edvaldo Marques (PSB), Celene Fernandes (PTdoB) e Samuel Silveira (PMDB) se reuniram com a secretária Municipal da Juventude, Karina Araújo, para tratarem da implantação do Conselho Municipal Políticas sobre as Drogas, no início da tarde desta quarta-feira(06). A reunião aconteceu no gabinete do vereador Edvaldo Marques com participação de Luiziane Santos, representante da Secretaria Municipal da Economia Solidária.

No encontro, os vereadores e a secretária discutiram formas de agilizar a implantação do conselho criado em 23 de julho de 2012. O órgão será ligado à Semjuv, mas a Câmara Municipal terá um representante e seu respectivo suplente.   

“É importante a cooperação dos poderes para a luta contra as drogas”, argumenta o vereador Edvaldo Marques. 

A secretária está constituindo uma comissão para a escolha dos membros do Conselho, que serão formados por representantes de secretarias municipais, da Câmara e de instituições da sociedade civil organizada e não-governamental. 

“Segundo a lei já sancionada, o Conselho tem o objetivo de planejar a política municipal sobre Drogas e o Plano Municipal de Política sobre Drogas, destinados ao desenvolvimento das ações de redução da oferta das drogas e tratamento de usuários, acompanhar o desenvolvimento das ações, além de estimular ações permanentes de sensibilização e mobilização da sociedade quanto às demandas sobre drogas no Município”, descreve Edvaldo Marques. 

Legenda: Luiziane Santos, vereador Edvaldo Marques, secretária Karina Araújo, vereador Samuel Silveira e vereadora Celene Fernandes. 

Crédito: Ascom Edvaldo Marques

quarta-feira, 6 de março de 2013

I Semana da Mulher

Com uma programação que envolve as mulheres timonenses nos debates sobre combate à violência, saúde, cultura, experiências solidárias e legislação, a Prefeitura de Timon, através da Secretaria Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher, inicia nesta sexta-feira (01/03) a Semana da Mulher, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, dia 8 de Março.

Na segunda-feira (04/03), a partir das 8 horas, no auditório do Fórum Amarantino Ribeiro Gonçalves, o prefeito municipal de Timon Luciano Leitoa e os promotores Selma Regina Martins e Fernando Everllim, representando O Ministério Público do Maranhão e a delegada da Mulher de Timon, Wládia Holanda, fazem o lançamento da Campanha “Lei Maria da Penha Em Ação”, marcando uma parceria das instituições para conhecimento e aplicação da Lei Maria da Penha.

A secretária municipal de Defesa dos Direitos da Mulher, professora Maria Divina de Sousa Silva, afirmou que, como em outras cidades de porte médio, as mulheres timonenses enfrentam sérios problemas, como a violência doméstica, hoje com índice significativo. “Neste sentido, já reunimos com a Delegada da Mulher de Timon e com as promotorias públicas, para traçarmos ações conjuntas voltadas a reduzir estes índices”, afirmou, acrescentando que a Secretaria da Mulher tem projetos voltados para saúde, educação, geração de emprego para as mulheres timonenses.

“O prefeito Luciano, sensível que é às questões sociais, em especial das mulheres, fará todo possível para implementar ações e projetos para fortalecer a cidadania das mulheres timonenses”, disse a secretária, professora Maria Divina de Sousa Silva.

De acordo com a secretária da Mulher, a programação da Semana da Mulher começa dia 1º de março com uma “Roda de Diálogo com mulheres urbanas e rurais”, no Centro Comunitário Sagrada Família, no bairro São Marcos. No dia 5, o médico mastologista Luís Airton fará palestra na Associação Recreativa dos Idosos de Timon (ARIT) sobre “Porque as mulheres devem se preocupar com câncer”.

No dia 6, a partir das 8 horas, no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Timon a delegada da Mulher, Dr. Wládia Holanda profere palestra sobre Violência no Campo e Na Floresta; e às 15 horas, no Centro de Convivência Júlia Almeida, a delegada do Menor Infrator, Idelzuite Rodrigues Matos, falará sobre a Lei Maria da Penha.

A programação continua no dia 7 com a 1ª Feira Cultural de Saberes e Troca de Experiências Solidárias, além de palestra da Delegada da Mulher, Wládia Holanda, no Centro de Artesanato Raimundo Nonato, no bairro Gurita. No dia 8, Dia Internacional da Mulher, haverá celebração religiosa no bairro Flores, no Centro e Pedro Patrício.

Fonte: Ascom Prefeitura

Professora da Educação Infantil Municipal lança livro falando do lado oculto do ser humano



O lançamento do livro “O Buraco e outros texto” da professora Fernanda Paz, Editora Multifoco, acontecerá no dia 15 de março no Clube dos Diários às 20h.

O livro “O BURACO” além de ser o título do principal texto da obra, é uma sugestão ao lado mais profundo do ser humano, tudo o que de alguma forma jogamos em um buraco a fim de ocultarmos dos outros e de nós mesmos.

O conceito principal é que situações cotidianas ou fictícias podem ser repassadas ao público de forma simples e acessível. A literatura está ao nosso lado a todo minuto, qualquer um de nós pode ser um personagem principal cheio de dilemas ou loucuras em uma história qualquer. Outro importante conceito é a alerta à rapidez do dia-a-dia que engole facilmente desejos e anseios impondo a cada um de nós “trabalhos forçados” e cabe a cada um encontrar sua fuga. A temática da feminilidade também é um conceito forte que permeia o livro, as características exclusivas e exageradas que faz da mulher o ser louco e admirável pela cena literária geral. 

Fernanda Paz é estudante de Artes plásticas na Universidade Federal do Piauí, graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Piauí. Trabalha com educação infantil na Prefeitura Municipal de Teresina e cursa especialização nesta área pela Universidade Federal do Piauí. Estudou teatro na Oficina Permanente de Teatro Procópio Ferreira. Participou da obra Antologia Transcultural de Poesia Feminina com organização de Algemira Mendes e Marleide Lins. 

Aqui está um trecho do capitulo:

“As moradias são do tamanho das humanas, com móveis de verdade. Só que estes são programados. A TV passa quase o dia inteiro ligada. Existem coisinhas parecidas com trilhos dentro da casa que fazem os bonecos se mover por ali bem como na rua.

Na casa que eu vivo, existem dois bonecos. Um feminino e outro masculino. De manhãzinha o boneco se levanta e se direciona para fora de casa, e passa o dia por lá mesmo. Acredito que seja uma espécie de trabalho, já que esporadicamente ele chega com coisas novas, as coisas que vemos na TV. A boneca vai para a cozinha. Eu fico por ali observando o movimento. Também aproveito pra ler. Há muitos livros, mas não são tocados. Acho que não existe ainda mecanismo de leitura nesses bonecos, apesar de se alimentarem e fazerem outras coisas dignas de humano.

Sinto-me estranha. Eles não conversam. Nada de sentimento, nada de afeto." 

(Moro numa cidade de bonecos, texto do livro “O BURACO e outros textos”, Fernanda Paz)

DPU/PI expande atendimento a assistidos


A Defensoria Pública da União representa o cidadão que não pode pagar por um advogado. No Piauí, dados mostram que a procura por esse tipo de serviço vem crescendo.


Nos últimos quatro anos, a Defensoria Pública da União no Piauí (DPU/PI) tem aumentado o atendimento jurídico a assistidos no Estado. O número de atendimentos em 2011 cresceu 14% se comparado a 2010 e entre 2011 e 2012 o avanço foi ainda maior, 22%. 

De acordo com o Defensor Público chefe Substituto da DPU/Pi, dr. Wagner Arauújo neto, a  progressão no número de atendimentos na Unidade está em consonância com o que ocorre nacionalmente em virtude da visibilidade que a DPU vem adquirindo em todo o país. A atuação de alguns núcleos da DPU, a impetração de ações civis públicas que foram destacadas pela grande mídia, a maior aproximação com o Ministério da Justiça e a parceria com algumas ONGs têm colaborado para a ampliação na oferta de assistência jurídica aos hipossuficientes.

O aumento no número de PAJs (Processos de Assistência Jurídica) na Unidade da DPU no Piauí tem sido influenciado por essa notoriedade nacional, que torna a Instituição mais conhecida e consequentemente mais procurada. Dr. Wagner Neto afirma que o número de contratação de servidores para a Unidade aliado à ação de tornar público o que antes era feito de maneira mais tímida também tem colaborado para esse crescimento. “Outro fator que tem contribuído para ampliar o atendimento pela Unidade no Piauí é que ela recebe as demandas trabalhistas, que só crescem, e grande parte do público que procura a Justiça do Trabalho é hipossuficiente, encaixando-se, portanto, no perfil de quem pode ser atendido pela DPU”, esclarece. 

A DPU atua contra a União, sua Autarquis, Fundações e órgão públicos federais (INSS, INCRA, FUNAI, Exército, marinha, Aeronáutica etc.) ou empresas públicas federais (Caixa Econômica Federal, Correios etc.). Atualmente a DPU/PI conta com sete Defensores e a sede da Instituição fica na Rua Rio Grande do Sul, 585, Ilhotas. o horário de atendimento ao público é de 8h às 12h e de 13h30 às 17h30. 

Fonte: Ascom DPU/PI

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Elenilda de 12 anos é a nova promessa do judô piauiense


Uma garota de 12 anos é a nova promessa do judô piauiense.Elenilda da Silva já conseguiu medalha de ouro no Campeonato Norte Nordeste, em Bélem, e medalha de bronze no Campeonato Brasileiro de Judô 1, em Manaus, agora vai representar o Piauí  na competição em Minas Gerais, no dia 7 de setembro.

Estudante da Escola Municipal Parque Piauí, a judoca já é considerada a terceira melhor do país na sua categoria, até 30kg. Há apenas dois anos praticando o esporte, a menina fala como uma verdadeira campeã. Segundo ela, algumas lutas foram difíceis, mas está feliz com os resultados vem conseguindo e pretende melhorar ainda mais. “A minha primeira luta foi uma das mais difíceis, mas eu consegui vencer, não importa se consigo o primeiro, o segundo ou terceiro lugar, o importante é vencer, quero ser uma judoca olímpica e para isso irei treinar muito, quero ser igual à Sarah Menezes”, explica Elenilda.


A judoca mora na vila Afonço Gil e treina pelo Projeto Judô Shalon, no Núcleo de Assistência Integrada, no Centro de Referência da Assistência Social, Bairro Promorar, zona Sul da capital. O treinador, Wherberton Carlos Leite, conta que a atleta está conseguindo bons resultados e causando ótima impressão em suas competições a nível nacional.

“Técnicos de judô de todo o Brasil me ligaram impressionados com o desempenho dela, e de fato se saiu muito bem, afinal, não é todo mundo que participa de um campeonato nacional pela primeira vez e traz resultados tão bons, competindo com grandes atletas de outros estados, vencendo as competições”, pontua Wherberton.

Segundo Alcione Gomes, mãe da judoca, o único incentivo financeiro para Elenilda parte da escola. “Não temos patrocínio, os vizinhos e a equipe da Escola Municipal Parque Piauí realizam rifas, bingos, muitas atividades para arrecadarem dinheiro para comprar passagens e até mesmo o kimono. Vamos fazer de tudo para conseguir realiza o sonho dela, que é ser uma judoca olímpica”, finaliza a mãe, que acredita no sonho da filha.

segunda-feira, 12 de março de 2012

Fundação Victor Civita divulga regulamento da 15a edição do maior prêmio de educação da América Latina

Prêmio Educador Nota 10 identifica, valoriza e divulga os melhores trabalhos de professores e gestores escolares de todo o país. A inscrição dos projetos é muito simples e deve ser feita pela internet


A Fundação Victor Civita (FVC) divulga o regulamento para participação no Prêmio Victor Civita Educador Nota 10 em 2012, no site: www.premiovc.org.br. Para a 15a edição do prêmio as inscrições poderão ser feitas de 08 de junho a 08 de julho.

“O Prêmio esse ano tem site novo, celebrando assim, seu 15º aniversário com nova roupagem. Uma das novas páginas do site vem com dicas para os professores e gestores, e o passo a passo para fazer o relato e inscrever o trabalho”, explica Ângela Dannemann, diretora-executiva da Fundação Victor Civita. “Nela, professores e gestores podem encontrar quais os principais cuidados que devem tomar ao descrever o seu trabalho e fazer a sua inscrição de forma a aumentar suas chances de seleção.”

O portal do prêmio também oferece vídeos dos professores vencedores, orientação dos selecionadores, respostas às dúvidas mais frequentes e quais materiais os educadores precisam reunir para enviar aos selecionadores, caso sejam solicitados.

Dividido nas categorias Professor Nota 10 e Gestor Nota 10, o Prêmio tem como objetivo identificar, valorizar e divulgar experiências educativas de qualidade, planejadas e executadas por professores, diretores, coordenadores pedagógicos e orientadores educacionais em escolas de ensino regular.

Podem participar professores, orientadores educacionais, coordenadores pedagógicos e diretores das redes públicas e privadas e de escolas comunitárias ou filantrópicas de acesso público, urbanas ou rurais, de Educação Infantil e de 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, nas diversas disciplinas, em todo o território nacional.

Para selecionar os ganhadores, a Fundação Victor Civita avaliará a adequação entre os objetivos, as ações desenvolvidas e as aprendizagens alcançadas pelos alunos. No final do processo de seleção, premiará dez professores na Categoria Professor Nota 10 e um gestor na Categoria Gestor Nota 10.

Os dez professores vencedores e o gestor vencedor receberão como prêmio R$ 15 mil reais cada um e a escola onde o gestor atua receberá R$ 10 mil reais. Durante a cerimônia de premiação, um júri indicará o professor que será o Educador do Ano de 2012, entre os 10 professores premiados, que além do título terá direito a um curso de pós-graduação em instituição de sua escolha.

Participação:

  • O período de inscrições para as duas categorias é de 08 de junho a 08 de julho de 2012.
  • A inscrição está aberta para experiências escolares que possam ser comprovadas e tenham sido realizadas e concluídas entre fevereiro de 2011 e junho de 2012, sendo que cada participante só pode inscrever um trabalho.
  • O trabalho, mesmo que desenvolvido em grupo, deve ser inscrito no nome de apenas um(a) educador(a). No caso de experiências coletivas, devem ser mencionados os demais participantes.

Sobre a Fundação Victor Civita

A Fundação Victor Civita foi criada em 1985, como uma das primeiras iniciativas empresariais brasileiras no campo social. Desde então, sua missão tem sido contribuir para a melhoria da qualidade da Educação Fundamental no Brasil, produzindo publicações, sites, material pedagógico, pesquisas e projetos que auxiliem na capacitação dos professores, gestores e demais responsáveis pelo processo educacional.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

SEMEC trabalha Teoria das Inteligências Múltiplas na Educação



A Teoria das Inteligências Múltiplas, de Howard Gardner, revela que cada pessoa desenvolve com maior êxito uma determinada área, e que focalizando esta habilidade enquanto criança, nas escolas, o aluno terá um melhor desempenho escolar, facilitando o desenvolvimento das atividades também quando se tornarem adultos.

As inteligências estão divididas em sete tipos: musical, lógica, matemática, espacial, cinestésica, interpessoal e intrapessoal. Cada pessoa possui a capacidade de desenvolver uma ou outra habilidade de forma mais específica.


Quem possui habilidade para a inteligência musical, manifesta uma maior sensibilidade para ritmos, texturas, timbre e facilidade para produção de músicas. Crianças com essa habilidade percebe desde cedo diferentes sons ao seu redor e costuma cantar para si mesmo.

Inteligência Lógico e Matématica são pessoas com sensibilidade para padrões, ordem e sistematização. Segundo Gardner, é a habilidade para explorar relações e categorias através da manipulação de objetos ou símbolos, e para experimentar de forma controlada. Também é a inteligência para lidar com séries de raciocínios, reconhecer problemas e resolvê-los. Crianças com essa aptidão demonstram facilidade para contar, fazer cálculos matemáticos e criar notações práticas de seu raciocínio.


A Inteligência Espacial dá a capacidade para perceber o mundo visual e espacial de forma precisa. É a inteligência dos artistas plásticos, dos engenheiros e dos arquitetos. Em crianças pequenas o potencial especial nessa inteligência é percebido através da habilidade para quebra-cabeças e outros jogos espaciais , além da atenção à detalhes visuais.

Inteligência Cinestésica refere-se a inteligência em criar produtos através do uso de parte ou de todo o corpo, usada em esportes, artes cênicas ou plásticas no controle dos movimentos do corpo e na manipulação de objetos com destreza. A criança dotada na inteligência cinestésica se move com graça e expressão a partir de estímulos musicais ou verbais, demonstrando uma grande habilidade atlética ou uma coordenação apurada.

Inteligência Interpessoal se descreve como uma habilidade pare entender e responder adequadamente a humores, temperamentos, motivações e desejos de outras pessoas. Ela é melhor apreciada na observação de psicoterapeutas, professores, políticos e vendedores. Em crianças ela se manifesta como a habilidade para distinguir pessoas ou para perceber intenções e desejos de outras pessoas. Crianças especialmente dotadas demonstram muito cedo uma habilidade para liderar outras crianças, uma vez que são extremamente sensíveis às necessidades e sentimentos de outros.



Inteligência intrapessoal é o correlativo interno da inteligência interpessoal, isto é, a habilidade para ter acesso aos próprios sentimentos, sonhos e ideias, para discriminá-los e lançar mão deles na solução de problemas pessoais. É o reconhecimento de habilidades, necessidades, desejos e inteligências próprios, a capacidade para formular uma imagem precisa de si próprio e a habilidade para usar essa imagem para funcionar de forma efetiva. Como esta inteligência é a mais pessoal de todas, ela só é observável através dos sistemas simbólicos das outras inteligências, ou seja, através de manifestações linguisticas, musicais ou cinestésicas.

As escolas municipais desde cedo trabalham com os alunos focando estes sete tipos de inteligências através de projetos específicos voltada para uma educação de qualidade. O programa Escola Aberta, por exemplo, estimula os alunos a movimentarem o corpo em atividades esportivas e culturais. Assim como o programa Mais Educação, que proporciona aulas extras de artes, letramento, dança e teatro. Além disso, projetos como o UCA - Um Computador por aluno, trabalha nas crianças habilidades lógicas no uso das ferramentas tecnologicas.

Aulas nas férias e o Paralapracá são exemplos de projetos que estimulam o aprendizado através de bricandeiras e jogos, proporcionando a expansão das habilidades dos alunos para além da sala de aula. É exatamente onde os professores percebem as necessidades de cada aluno.

A Secretaria Municipal de Educação realiza ainda os Jogos das Escolas Municipais de Teresina (JETs), promovendo competições esportivas, e uma parceria com artista plástica Dora Parentes revela estudantes pintores todos os anos. Cada escola desenvolve também projetos proprios para tornar o aprendizado mais dinâmico, como rodas de leitura, contação de histórias infantis, jogos de matemática, entre outros, o que contribui para a percepção dos diferentes tipos de habilidade dos alunos.


quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Rede Música Piauí é formatada na Feira da Música‏

A Feira da Música de Fortaleza trouxe boas notícias para os negócios da música piauiense.
A Rede Música Piauí, antes mesmo de realizar a sua primeira reunião, já fez parcerias com outros fóruns de música independente como a A Rede Rio Música, e o projeto da Funarte, Rede Música Brasil, estando agora dentro do fórum nacional da música.
O Bumba Records participou do GT de Legislação e Comunicação promovido pela Funarte. Além disso, aproveitou para fazer muitos contatos importantes, com idealizadores das Redes de Música, gerentes de música, produtores de todo o mundo e empresários da música, dentro da Rodada de Negócios. Sindmusi, Arpub, Quanta Musica, Minc, Abrafim, iMusica, são alguns dos destaques.
A banda Validuaté, representada pelo Bumba Records, fechou parceria com a Terra Sonora, Nokia e Claro, empresas que investem na venda fonográfica através de aparelhos celulares e/ou internet.
A banda foi ainda convidada para participar do FUI - Festival da União do Ibiapaba (CE) – e do projeto Sesc Amazônia das Artes.Para o presidente do Bumba Records, produtor Márcio Menezes, muito das idéias formatadas nas reuniões e contatos possibilitados pela Feira da Música serão fundamentais para a consolidação da Rede Música Piauí.
A partir de agora, a produção musical do Piauí terá mais representatividade dentro de eventos como esses. “Se conseguirmos lançar a RMP com sucesso dentro do nosso estado, em pouco tempo estaremos participando de eventos e projetos nacionais e internacionais como fórum independente e crítico, lutando por uma boa circulação, legislação e comunicação”, acredita o produtor.
A Rede Música Piauí será lançada nesta quarta-feira (26), às 18h no auditório da FIEP- Federação da Indústria e Comércio do Piauí.
A idéia é começar a ampliar o debate sobre a produção e distribuição da música produzida no Piauí. E, Márcio Menezes esclarece: “Não é um projeto feito pelo Bumba Records. Foi idealizado por mim para ser tomado pelo povo.
É uma maneira de integrar o nosso estado nesse macro sistema que já foi lançado no Brasil.”. A RMP vem para trazer representatividade do nosso estado na produção de música nacional. “É triste perceber que o Piauí, com toda sua história e tradição musical, só participe de projetos montados pelos gestores públicos.
A RMP vem para mudar isso.”, conclui Márcio Menezes.SERVIÇOLançamento Rede Música PiauíRMP@independente
Data: 26 de agosto
Horário: 18h às 20h
Local: Auditório Rui Lima 8º andar do prédio da Federação da Indústria e Comércio do Piauí – FIEP – Av. Gil Martins, 1810, Redenção. (próximo ao ginásio Albertão)
Márcio Menezes (86) 94138770

Lançamento da Rede Música Piauí

Venha participar do lançamento da Rede Música Piauí!Soluções criativas de sustentabilidade para produção musical do estado do Piauí.A primeira reunião de lançamento da RMP@independente é apenas o primeiro passo para os negócios da música produzida no Piauí.
O trabalho é pontual, participativo e tem seu foco na proposição de idéias e ações que promovam a sustentabilidade dessa cadeia produtiva.
Podem participar deste “coletivo musical” qualquer agente que faça parte, direto ou indiretamente, do cenário musical do estado, capital e interior. Sua presença é muito importante. A música piauiense agradece!
Programação:
1) Palestra on-line com o advogado Jorge Mello sobre o tema: “Direito Autoral na Internet.”
2) Palestra com o produtor fonográfico Márcio Menezes sobre o tema: “Meu CD chegou da fábrica: o que eu faço agora?” (Considerações sobre o texto de Pena Schimidt)
3) Debate aberto ao público presente, sobre assunto tema das palestras e planejamento estratégico do Fórum.
SERVIÇO
Lançamento Rede Música PiauíRMP@independente
Data: 26 de agostoHorário: 18h às 20hLocal: Auditório Rui Lima 8º andar do prédio da Federação da Indústria e Comércio do Piauí – FIEP – Av. Gil Martins, 1810, Redenção. (próximo ao ginásio Albertão)Contatos: orkut RMPhttp://redemusicapiaui.ning.com/bumbarecords@gmail.com
Márcio Menezes (86) 94138770